Fábula “O sapo e o buraco”.

Um dia, nasceu um sapinho e, quase que no momento do seu nascimento, ingênua e inadvertidamente, caiu num buraco: ploft! Ali ficou. Era razoavelmente amplo, tinha água, era escurinho, aquecido, livre de perigos, havia o necessário para a sua sobrevivência, enfim, era um mundo maravilhoso. O tempo foi passando, o sapinho transformou-se em sapo, sapão… e um…

O mundo do cinema: identidade, desafios e empoderamento feminino no filme “A tenente de Cargil”

O avanço na transformação do mundo trouxe inúmeros benefícios, como melhores cuidados médicos, aumento na taxa de vida das pessoas, conexão com pessoas distantes, entre outros. Contudo, ainda temos indivíduos e sociedades presos à paradigmas que engessam o potencial humano de ação e criação, entendendo que existem atividades próprias somente para homens e outras somente…

Carta ao Ano Novo!

Não me sinto bem com despedidas, Por que me trazem sentimentos, Que às vezes causam dor e tormento… E também não sei lidar com as chegadas, Pois fico inquieto e desajeitado. Mas… se tem uma coisa inevitável, E que não está mais no campo do improvável, É que mais cedo ou mais tarde eu preciso…