O amor é ridículo

Bobo, Ingênuo, Inesperado… O amor é ridículo em suas ações de alegria espontânea, Com seu sorriso de coragem, Bem tua cara de malandragem, Dançando nu em movimentos sensuais, E nos olhares, encontros casuais, De certeza e entrega ao mais puro sentimento! Constrangedor, Surpreendente, Envolvente… O amor é ridículo em suas brincadeiras, Debaixo dos lençóis ou…

Ele… Ela… e o Outro

Ele tem uma admiração especial por Ela: seus cabelos, sua pele… sua maneira de falar. Tudo o que Ele vê Nela compõe pequenos detalhes de um amor que se reconfigura a cada encontro. Ele sente sua falta: deseja dar beijos e mordidas…fazer carinhos e provocar suspiros intensos. Para Ele, cada momento é um aprendizado, pois…