Meu par de meias de algodão

Certo dia fui convidado para uma festa, Daquelas que a gente precisa ir todo arrumado, Ia ter comida, bebida e seresta, Não poderia ter nada errado: Separei camisa e calça, E sapato social lustrado, Junto com meu par de meias de algodão. Me arrumei todo inspirado, E com uma excelente companhia, Aguardei a diversão, Para…

Aquela fração de felicidade…

É curioso como a felicidade, Surgindo de forma inesperada, Se manifesta e reina com naturalidade, Em quem até bem pouco tempo, Sofria com o peso da responsabilidade. Ela nos convida com sinceridade, E com leveza seduz para novas aventuras, Misturando coragem e beleza, Com o calor da gentileza, Para não perder a graça de viver,…

As pessoas não são substituíveis!

E nem podem ser tratadas como objetos. Pessoas não são substituíveis e como é difícil para alguns indivíduos entender essa lógica no cotidiano. Entre compromissos marcados e atividades para fazer, não temos mais paciência para uma conversar olho no olho… dificilmente deixamos recados apaixonados ou engraçados no papel… ou ainda, não queremos perder tempo numa…

A dança não conhece forma ou limite

Como é curioso o ser humano, Embriagado pelo álcool e pela alegria, Quando se propõe a dançar, Tomado de euforia! Não existe tristeza nem cor de pele, Tampouco vontade que espere, Quando o desejo começa a aflorar, Fazendo o corpo pulsar, E despreocupadamente, transpirar! A dança não conhece forma, Não tem preconceitos nem normas, E…