Um dia a gente…

Um dia a gente aprende a contemplar a vida, sem pressa, sem olhar de forma alucinada as horas… sem pressão. A gente acorda cedo, respira a maresia, senta na areia e só contempla. Olhando o infinito azul, a gente compreende que o sentimento de gratidão é o que mais preenche o nosso peito e a…

O mundo das palavras: autoconhecimento e relacionamento no livro “Verdade? – porque nem tudo o que ouvimos ou falamos é verdadeiro”

A vitória é como uma espada: ninguém se senta sobre ela. Se parar de se esforçar por se considerar vitorioso, será cortado ao meio (p. 61). As palavras têm muita força para mim, pois podem funcionar como gatilhos para ideias e ações. Muito dessa perspectiva é refletida nos textos que escrevo e em minhas atitudes…

Nem sempre a gente acorda bem…

Tem dias que é difícil… muito difícil. O coração está machucado… A mente desperta medos adormecidos… O corpo quer flutuar sem rumo com um par de asas… Cada esforço para respirar traz um peso solitário, De ter que enfrentar, quando eu gostaria de recuar, De ter que seguir, quando me bastava a paz da minha…

Fábula “O valor da amizade”

Um jovem recém-casado estava sentado num sofá, num dia quente e úmido, bebericando chá gelado, durante uma visita ao seu pai. Ao conversarem sobre a vida, o casamento, as responsabilidades da vida, as obrigações da pessoa adulta, o pai remexia pensativamente os cubos de gelo no seu copo e lançou um olhar claro e sóbrio…