Aquele quarto bagunçado!

Aquele quarto bagunçado, Esconde um amor cobiçado, De pecado e safadeza, Que na carne provoca fraqueza! Aquele quarto bagunçado, Quer ver Seu desejo libertado, Sem complicações nem mistério, Se afogando numa paixão sem critério! Aquele quarto bagunçado, Quando vazio é tesão desperdiçado, E quando presente, Transborda uma vontade latente! Aquele quarto bagunçado, É um convite…

Meu par de meias de algodão

Certo dia fui convidado para uma festa, Daquelas que a gente precisa ir todo arrumado, Ia ter comida, bebida e seresta, Não poderia ter nada errado: Separei camisa e calça, E sapato social lustrado, Junto com meu par de meias de algodão. Me arrumei todo inspirado, E com uma excelente companhia, Aguardei a diversão, Para…

A dança não conhece forma ou limite

Como é curioso o ser humano, Embriagado pelo álcool e pela alegria, Quando se propõe a dançar, Tomado de euforia! Não existe tristeza nem cor de pele, Tampouco vontade que espere, Quando o desejo começa a aflorar, Fazendo o corpo pulsar, E despreocupadamente, transpirar! A dança não conhece forma, Não tem preconceitos nem normas, E…

Uma hora a gente cansa…

Uma hora a gente cansa… De tanta reclamação desnecessária, Para as coisas pequenas, Em situação temporária. Uma hora a gente cansa… Da falta de reconhecimento, E na rotina diária, Da falta de sentimento. Uma hora a gente cansa… De buscar a compreensão, Para achar uma solução, Quando o que se recebe, Só causa inquietação! Uma…

Esse tal cheiro no cangote…

TEXTO DAS ANTIGAS…. POIS RECORDAR TAMBÉM É VIVER! Você já sentiu um cheiro no cangote, também conhecido como cheiro no pescoço? Para mim é uma das coisas mais doidas e gostosas que o ser humano pode sentir… tão simples, fácil e sublime… com um poder de me tirar do sério de uma maneira sensacional que…

Um dia dos namorados?

Determinamos um dia, Para uma condição que deveria permanente, Com carinhos incessantes e frequentes, De pessoas que se gostam… Determinamos um dia, Para um sentimento que sempre deveria extravasar, Todo prazer e assim aflorar, Tudo o que há de melhor em pessoas que se gostam… [Namorar – verbo transitivo direto e intransitivo- significa empenhar-se em…

Segundo encontro…

No primeiro houve intensidade, Fruto de uma sagaz oportunidade, E assim tiveram a liberdade, De finalmente viver a entrega… Onde corpos e bocas, Misturando-se e conduzidos pelo fogo feito de paixão, Dispensaram o equilíbrio da razão, Para numa noite repleta de expectativas, Saborear um mundo de carícias repetitivas! Ah…! o primeiro encontro… Ah…! a alforria…