Fábula “A frigideira”

Conta-se que um jovem, recém-casado, ficou curioso ao perceber a forma com que sua esposa colocava peixe na frigideira: cortava a cabeça e o rabo até quase o meio do peixe. Perguntou-lhe o porquê daquilo, ao que a esposa respondeu: “Mamãe sempre fez assim e eu aprendi com ela. Naturalmente, deve ser a melhor maneira.”…

Fábula “Eu sou bom”

Há uma “tribo” africana que tem um costume muito bonito. Quando alguém faz algo prejudicial e errado, eles levam a pessoa para o centro da aldeia, e toda a tribo vem e o rodeia. Durante dois dias, eles vão dizer ao homem todas as coisas boas que ele já fez. A tribo acredita que cada…

Fábula da Responsabilidade

O discípulo se aproximou do mestre e falou: – Durante anos, busquei a iluminação, sinto que estou perto. – Quero saber qual o próximo passo. O mestre calmamente perguntou: – E como você se sustenta? – Ainda não aprendi a me sustentar: meu pai e minha mãe me ajudam. – Entretanto isso são apenas detalhes.…

A filosofia do tubarão

Os japoneses sempre adoraram peixe fresco. Porém, as águas perto do Japão não produzem muitos peixes há décadas. Assim, para alimentar a sua população os japoneses aumentaram o tamanho dos navios pesqueiros e começaram a pescar mais longe do que nunca. Quanto mais longe os pescadores iam, mais tempo levava para o peixe chegar. Se…

Fábula “O sonho de Svetlana”

Desde pequena Svetlana só tinha conhecido uma paixão: dançar e sonhar em ser uma Gran Ballerina do Ballet Bolshoi. Seus pais haviam desistido de lhe exigir empenho em qualquer outra atividade. Os rapazes já haviam se resignado: o coração de Svetlana tinha lugar para somente uma paixão e tudo mais era sacrificado pelo dia em…

Fábula “A samambaia e o bambu”

Um dia decidi me dar por vencido: renunciei ao meu trabalho, à minha relação e à minha vida. Fui ao bosque para falar com um ancião que, segundo diziam, era muito sábio. – Poderia me dar uma boa razão para não me dar por vencido? – perguntei. – Olhe ao seu redor, – me respondeu…

Fábula “Os feijões no sapato”

Um monge, próximo de se aposentar, precisava encontrar um sucessor. Entre seus discípulos, dois já haviam dado mostras de que eram os mais aptos, mas apenas um poderia sucedê-lo. Para sanar as dúvidas, o mestre lançou um desafio, para colocar a sabedoria dos dois à prova: ambos receberiam alguns grãos de feijão que deveriam colocar dentro…