O mundo do cinema: conflitos, racismo e convivência no filme “O ódio que você semeia”.

Respeito para todos.

Isso deveria ser uma necessidade básica das sociedades dos tempos atuais, mas infelizmente não é isso que encontramos – nem muito menos vivemos. O mundo líquido teorizado por Zygmunt Bauman é mais complexo do que qualquer outro tempo, e apesar de todo o conhecimento disponível para ser acessado e desbravado, estamos constantemente fragilizando relações e vidas humanas – e indo na contramão de um mundo de respeito.

Essa complexidade e fragilidade envolve a narrativa do filme “O ódio que você semeia”, dirigido por George Tillman Jr. A história contada apresenta Starr Carter (interpretada por Amandla Stenberg, de “Mentes sombrias” e “Tudo e todas as coisas”), adolescente negra que, com o apoio dos pais, busca sair da marginalização das pessoas do bairro onde mora.

Starr, que sempre buscou fugir da violência do bairro onde vive (seja pelos pais, seja por consciência própria), se depara com uma situação muito comum para os negros: a agressão gratuita. Após encontrar Khalil (interpretado por Algee Smith, de “Detroit em rebelião”), seu amigo de infância, Starr presencia sua morte porque o policial confundiu uma escova de cabelo com uma arma.

A partir daí, há uma pressão para que ela se posicione: de um lado, o traficante do bairro onde Starr mora sugere ela não falar nada; do outro, uma crescente vontade de fazer justiça a Khalil. Você deve saber que infelizmente essa é uma realidade comum dos negros em qualquer lugar, pois conta com um forte elemento cultural que os estigmatiza em todas as áreas e ambientes de convivência.

Conflitos na comunidade, na família…na escola. Racismo mascarado e escancarado.

O filme nos traz uma reflexão rica sobre os preconceitos que fingimos não existir e quais seus impactos para a vida e para a convivência entre negros e brancos (e também pessoas de outras raças). No elenco ainda temos a participação de Russell Hornsby – que interpreta o pai de Starr, Regina Hall – que interpreta a mãe de Starr, Kj Apa – que interpreta o namorado de Starr e Anthony Mackie – que interpreta o traficante do bairro de Starr. OBS: o filme é baseado no livro de mesmo nome.

TRAILER:

FILME: O ódio que você semeia.

DIREÇÃO: George Tillman Jr.

ANO: 2018.

Por Ricardo Verçoza – Professor e escritor.

Siga o blog nas redes sociais!

Instagram: @pensebem.blog

Facebook: blog.pensebem

Twitter: @Blog_PenseBem

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.