Entender e explicar.

Quem dá aula já ouviu com frequência expressões “professor, eu entendi… mas não sei explicar” ou “eu entendi, mas eu não sei contar”. E aí nós somos obrigados a dizer algo que vale no mundo do conhecimento: só é capaz de dizer que de fato aprendeu algo aquele que também consegue explicar. Alguém que algo já entendeu e não consegue passar adiante, ainda não entendeu em profundidade. Porque do entendimento faz parte a capacidade de explicação.

Porém, uma coisa é entender, outra coisa é compreender. Entender significa decodificar a mensagem, ser capaz de ler uma frase, mas ler uma frase e entende-la não é o mesmo que compreendê-la. A palavra “compreender” significa aprender comigo, que eu sou capaz de tornar próprio, tornar meu. Compreensão, aprender comigo, uma ideia, um conhecimento ou um valor. É aquilo que eu consigo utilizar, consigo ter autonomia na aplicabilidade. Nesta hora, eu tenho que ser capaz de explicar. Essa frase “entendi, mas não consigo explicar” é muito estranha.

A explicação, o modo como o conteúdo foi entendido, só terá completude com a compreensão quando também outro puder capturar, estar naquela mesma relação de comunicação. “Entendi, mas não sei explicar”, então não entendeu, precisa estudar de novo e melhor.

Por Mario Sergio Cortella, do livro “Pensar bem nos faz bem! – 1 filosofia, religião, ciência e educação.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.