Uma vida acelerada corrói o juízo!

Uma vida acelerada corrói o juízo,

Quando perco a iniciativa,

E nada mais protagonizo,

Pois só apresento justificativa,

Numa realidade cheia de compromisso.

Com excesso de tarefa e de responsabilidade,

A mente não produz… e desacelera,

Não atribui valor nem define prioridade,

Devido ao insistente cansaço,

Que me faz querer apenas um abraço.

A vida acelerada corrói o juízo,

Tira o brilho e a beleza,

Nos faz esquecer da gentileza,

Fragilizando o conviver,

E sequestrando o ânimo até para sobreviver!

De mansinho traz a ansiedade,

Apertando com inquietação o coração,

Tornando um fardo a sobriedade,

Pois tudo passa a ser distração,

Sofrimento e autopiedade!

A vida acelerada corrói o juízo,

Suga as forças do entusiasmo,

Sendo um total prejuízo,

Um desserviço de puro sarcasmo,

Para uma vida plena e saudável.

Mas quando começar a perceber,

Que talvez possa enlouquecer,

Desligue o piloto automático,

Aquele que te frustra e te deixa apático,

E olhe para o tempo como uma criança,

Mantendo firme a esperança,

Pois tudo não passa de uma fase,

Que jamais destruirá a tua base:

Fé, dedicação e perseverança!

Paz e bem!

Por Ricardo Verçoza – Professor e escritor.

Siga o blog nas redes sociais!

Instagram: @pensebem.blog

Facebook: blog.pensebem

Twitter: @Blog_PenseBem

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.