Caridade é amor!

Com conhecidos ou desconhecidos,

Idosos, adultos ou crianças,

Precisamos praticar a caridade,

Para compartilhar a prosperidade,

E ter firma a esperança,

De fazer o bem ao outro.

Para quem precisa de pão,

E sente frio no corpo ou no coração,

A caridade pode trazer,

Um pouco de paz e compaixão,

Levando-nos a crer…

Na valorização do ser humano.

“A caridade pode ser entendida como um sentimento ou uma ação altruísta de ajuda a alguém sem busca de qualquer recompensa.”

Quando a caridade é realmente vivida,

E com ações concretas é promovida,

Faz brotar um sentimento de cuidado e atenção,

Gerando até prevenção,

Contra pensamentos que sugam as energias…

Sua autenticidade não está nas fotos de redes sociais,

Nem tão pouco em suas ações pontuais…

Mas na simplicidade de cada gesto,

E no anonimato de quem apenas quer bem.

“A caridade também pode ser definida como um ato benigno de saciar a necessidade das pessoas em suas vidas, simplesmente por amor a elas.”

E aqui eu lhe faço um pedido,

Esperando humildemente ser compreendido:

Faça a caridade também para quem está perto de você.

Pai, irmão, tia ou primo,

Mãe, avô, vizinho ou amiga do tempo de escola,

Não importa quem…

Pois todos enfrentam lutas diárias,

Que não precisam ser explicitadas,

Mas apenas respeitadas.

Seja no mau-humor ou na impaciência,

Na doença ou na ausência,

E também nas situações de solidão,

Que podem fazer parte de teu dia,

Jamais esqueça que momentos de complexidade,

Devem ser acompanhados de bastante cumplicidade,

Com fartas doses de caridade,

Porque muitos têm traumas do passado,

E outros tantos os enfrentam no presente,

Vivendo uma existência carente,

De atenção… de afeto… de amor.

“Caridade, no sentido teológico, isto é, na busca de uma relação verdadeira com Deus, é o amor humano vivido do jeito de Deus. Seria como dizer que Deus entra na pessoa e a faz capaz de amar como Ele ama.”

E esse amor que você oferece,

Ajuda a dar forças para superar a dor…

E esse amor que você oferece,

É a paciência nos momentos difíceis…

E esse amor que você oferece,

É a intervenção divina que o outro precisa,

Para superar um dia ruim,

Ou uma tempestade mais longa,

E em alguns casos…

Provoca uma revolução interna,

Para libertar-se de âncoras e medos.

A caridade é uma prática que deve ser exercitada no dia a dia para que evitemos relacionamentos superficiais e problemas complicados. Não é fácil, especialmente quando somos nós que precisamos da caridade – e eu já tive provas disso. Contudo, a caridade nos permite viver nas pequenas atitudes a dedicação, a tolerância, a compreensão e o amor fundamentais a convivência estável e duradoura. Caridade é amor. Você tem coragem para isso?!

Paz e bem.

Por Ricardo Verçoza – Professor, escritor e mestrando em Indústrias Criativas.

@CapitaoCoragem

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

w

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.